TVI lidera audiências em novembro e SIC mantém segunda posição

Em novembro face a outubro, os canais de televisão TVI e SIC subiram o share de audiência, quer no geral, quer em horário nobre. Mas a RTP1 caiu.

Em novembro, nos canais free-to-air (FTA), a SIC manteve a segunda posição no principal horário televisivo, o “prime-time” nos dias úteis, com o “share” de audiências a registar uma subida de 0,8 pontos percentuais face ao mês anterior (de 21,5% em outubro para 22,3% em novembro). Nesse horário a TVI manteve a liderança com valores de audiência em novembro também a subir em
relação a outubro (+0,5 p.p. de 24,6% em outubro para 25,1% em novembro).

Por sua vez a RTP 1, em “prime-time” teve um “share” de 10,6% em novembro, abaixo do “share” de outubro (12,2%).

Os dados da Dados Gfk/CAEM dizem ainda que a rede de subscrição por Cabo obteve em novembro um “share” em horário nobre de 38,3% (38,2% em outubro).

Considerando os valores diários, a SIC manteve a 2ª posição e registou um “share” de 17,7% em novembro (+0.4 pontos percentuais face ao mês de outubro). A TVI obteve 21,5% em novembro (+1.1 pontos percentuais face ao mês precedente. Já a RTP 1 teve 12,4% de “share” de audiência (12,5% em outubro), ao passo que os restantes canais da RTP (RTP2 + RTP3 + RTP Memória) somaram 3,5% acima dos 3,3% em outubro (3,7% em “prime time”). Os canais por Cabo tiveram um “share” de 44,8% face a 46,4%.

Em termos acumulados no ano de 2017, a SIC continua na 2ª posição, tanto em termos diários como no horário nobre dos dias úteis, com uma quota de 17,1% e 22,5% respetivamente. A TVI teve em acumulado do ano até novembro um share de 20,9%, e 25% em prime-time.  A televisão por Cabo lidera no acumulado do ano, com um “share”  de 46.3% e  37.8% em horário nobre.

No que toca à RTP, o acumulado do ano da RTP1 é de 12,4% (11,7% em prime-time), e das outras RTPs é de 3,2% e 2,9% em prime-time.

Os canais Cabo tiveram um share acumulado de 46,3% e 37,8% em prime-time.

No universo dos canais por subscrição a SIC Notícias continuou a ser o canal de informação mais visto tendo registado uma quota de 1.8% em novembro, em dados Live + Vosdal (-0.3 p.p. face a outubro), diz o Caixa BI.

Por grupo de canais registou-se em novembro a manutenção do “share” dos canais da RTP em 17.2%, uma ligeira subida de 0.1pp dos canais SIC de 21.1% em outubro para 21.2% em novembro e uma subida

Recomendadas

JCDecaux ganha um contrato de 10 anos com a ViaQuatro no Brasil

A JCDecaux ganha um contrato de 10 anos com a ViaQuatro para a exploração de espaços publicitários na linha 4 do metro de São Paulo, tornando-se no maior grupo de meios no metro do Brasil.

Timor Gap regista novas imparidades devido a investimento no consórcio do Greater Sunrise

O relatório anual da petrolífera, a que a Lusa teve acesso, regista um lucro operacional negativo de mais de 26 milhões de dólares (26,1 milhões de euros), explicando que “o aumento da perda líquida se deve principalmente às perdas por imparidade”.

Musk avança para a compra do Twitter e ações disparam 22%

O CEO da Tesla, Elon Musk, voltou atrás na negociação e concordou em comprar o Twitter pelo preço original acordado de 44 mil milhões de dólares. As negociações da tecnológica na bolsa norte-americana foram interrompidas aquando do anúncio e retomaram a valorizar 22%.
Comentários