Twitter processado por não pagar rendas

A empresa enfrenta processos no estado norte-americano da Califórnia e no Reino Unido por não pagar a renda dos seus escritórios.

A rede social Twitter está a ser processada em Inglaterra e na Califórnia (EUA) por não pagar as rendas dos seus escritórios. Os senhorios levaram um processo aos tribunais contra o dono da empresa, Elon Musk.

No estado da Califórnia a rede social tem escritórios em São Francisco, na Market Street. O dono do prédio, Sri Nine Market Square LLC, afirmou na ação judicial que a empresa não pagou os 3,36 milhões de dólares em dezembro e voltou a não pagar os 3,42 milhões em janeiro deste ano, de acordo com a “BBC”.

Já a coroa britânica processa o Twitter pela mesma razão. O estado britânico administra as propriedades pertencentes ao Rei Carlos III, e levou um processo judicial contra a empresa na semana passada. A receita das rendas são alocadas no Tesouro para gastos públicos.

O Twitter ainda não emitiu nenhum comentário sobre a situação, mas desde que a empresa foi comprada por Musk, começaram os despedimentos e teve uma queda de 40% nas receitas de publicidade.

Relacionadas

Número de trabalhadores do Twitter passou de 7.500 para 1.300 na gestão de Musk

A empresa Twitter só conta com 1.300 funcionários, em comparação com 7.500 que tinha quando Elon Musk, dono da Tesla, se tornou no seu único acionista.

Twitter vê receitas de publicidade caírem desde entrada de Elon Musk

No final do ano passado a rede social registou uma queda de 40% dos anunciantes. Esta saíde de anunciantes tem aumentado desde que Elon Musk adquiriu a empresa.
Recomendadas

“É importante pensar na estratégia do que se quer para a TAP”, refere administrador da Vila Galé

Gonçalo Rebelo de Almeida considera que é necessário perceber se Portugal quer transformar a TAP numa companhia mais pequena só a Europa ou se o país quer continuar a apostar no seu crescimento.
TAP

Finanças desconheciam bónus de três milhões acordado com CEO da TAP

O antigo ministro João Leão não teve conhecimento do montante do bónus da CEO da TAP que consta do contrato assinado a 8 de junho de 2021.

Premium“Vamos continuar a trabalhar as duas marcas em separado”

Neves e Almeida e CEGOC vão trabalhar em autonomia e com equipas de gestão próprias, mantendo a identidade de cada marca.
Comentários