Ucrânia. Artista britânico Banksy grafita parede de edifício em ruínas

O enigmático e reivindicativo artista britânico Banksy pintou um dos seus grafítis na parede de um edifício em ruínas na cidade ucraniana de Borodyanka, na região de Kiev, adianta o portal Ukrinform.

A imagem mostra uma rapariga a fazer um exercício de ginástica apoiada no chão e num equilíbrio quase impossível sobre os restos de uma das paredes destruídas pelos bombardeamentos.

O grafíti foi inicialmente partilhado através da conta da rede social Instagram do artista anónimo, o que, segundo o portal ucraniano, verifica a sua autenticidade por esta ser a forma habitual de Banksy difundir as suas obras.

O artista britânico também já pintou grafítis reivindicativos noutros territórios em conflito, como na Cisjordânia, como forma de expressar a sua solidariedade para com o povo palestiniano.

O portal Ukrinform recorda que recentemente foi leiloado em Londres um grafíti do artista com o propósito de apoiar um hospital infantil ucraniano que alcançou 81 mil libras (cerca de 93 mil euros).

Recomendadas

Joalharia, tradição, singularidade e mestria artesanal

As joias, testemunhos de ligação entre gerações, devem ser um legado de arte, de memórias e de valores. Fique a par das novidades de uma indústria pioneira na sustentabilidade.
Capa_Livro_Zero_to_One_Weekend_960_600

Não há nenhuma razão para que o futuro só aconteça em Silicon Valley

Weekend: A equipa da Instinct deixa-lhe sugestões de entrevistas, livros, filmes, séries, podcasts e artigos que o vão ajudar a entender, refletir e inspirar sobre o futuro para inovar com impacto.

Projeto “Ponte nas ondas” integra Boas Práticas de Património Imaterial da UNESCO

O projeto luso-galaico “Ponte nas Ondas” foi hoje reconhecido pela UNESCO, em Rabat, Marrocos, passando a integrar o Registo de Boas Práticas de Salvaguarda de Património Cultural Imaterial daquela organização internacional, tornando-se na primeira candidatura portuguesa da lista.
Comentários