Universidade dos EUA atribui grau honoris causa em Proteção Civil e Segurança a professor do Politécnico da Guarda

Pedro Simões, coordenador do CTeSP em Riscos e Proteção Civil do Politécnico da Guarda, foi distinguido pela Grendal University de Miami com o grau honoris causa.

Pedro Simões, docente no Instituto Politécnico da Guarda, foi agraciado com o doutoramento honoris causa em Proteção Civil e Segurança, um grau que reconhece percursos de mérito e excelência, pela norte-americana Grendal University de Miami, numa cerimónia que decorreu em Caracas, na Venezuela.

“É uma honra ser distinguido pelo meu trabalho no domínio da Proteção Civil, sobretudo porque este é um reconhecimento único: não existe em nenhuma parte do mundo um doutoramento na área da Proteção Civil e Segurança”, afirma Pedro Simões, coordenador do Curso Técnico Superior Profissional (CTeSP) em Riscos e Proteção Civil no IPG. “Esta distinção reforça o meu empenho em, juntamente com o Politécnico da Guarda, continuar a trabalhar para reforçar o ensino nesta área e para a criação de novas formações ao nível do ensino superior”.

Joaquim Brigas, presidente do Politécnico da Guarda, considera que para a instituição é “uma honra” ter na academia alguém com um percurso tão notável. “Esta distinção constitui o reconhecimento internacional ao percurso do Professor Doutor Pedro Simões, não só pela sua vida profissional e académica, como também pela sua participação cívica”, salientou.

Natural das Caldas da Rainha, Pedro Simões é licenciado, mestre e doutor em Comunicação e tem várias pós-graduações nesta área do conhecimento. Foi membro fundador do Observatório de Segurança Criminalidade e Terrorismo e da Asprocivil, a primeira Associação de Proteção Civil e Segurança, porta-voz do Serviço Nacional de Bombeiros e Proteção Civil e responsável ibérico do Firefighter’s Combat Challenge, campeonato mundial de bombeiros.

Recomendadas

Centro de Data Science da Nova SBE lança página com ofertas de emprego e voluntariado de impacto social

A página apresenta informação sobre os perfis pretendidos pelas organizações sociais, podendo os candidatos submeter a candidatura através de e-mail, Linkedin, ou outra via aí divulgada.

Politécnico de Setúbal promove encontro internacional sobre futuro do turismo

Investigadores do Politécnico trabalham numa nova abordagem interdisciplinar para os desafios que as pequenas e médias empresas do turismo enfrentam e como se pode reinventar o sector de forma colaborativa num mundo pós-pandémico.

Bolsas Santander Erasmus contam com 2 milhões e 125 universidades parceiras

Ana Botín, presidente do Banco Santander, anunciou, esta terça-feira, 31 de janeiro, o alargamento das Bolsas Erasmus: Alemanha e Polónia juntam-se a Portugal e Espanha como países beneficiários. O prazo de candidaturas decorre até ao dia 14 de março.
Comentários