Vai poder apreciar cultura Barroca através de realidade aumentada

A inauguração do Centro Interpretativo do Barroco, em Arcos de Valdevez, está agendada para o dia 15 de dezembro. O visitante da Igreja do Espírito Santo pode optar pela utilização de um tablet ou óculos de realidade aumentada – HoloLens – para aceder ao conteúdo interativo disponível no espaço.

Presenciar a construção de um altar em tempo real ou descobrir a cultura Barroca na região do Alto-Minho, ora tudo isto será possível já a partir deste sábado, graças à tecnologia implementada pela EDIGMA no Centro Interpretativo do Barroco.

A EDIGMA liderou o projeto integrado numa oferta de soluções que contemplam a tecnologia, a identidade gráfica, bilheteira, sinalética e o estacionário.

O visitante da Igreja do Espírito Santo pode optar pela utilização de um tablet ou óculos de realidade aumentada – HoloLens – para aceder ao conteúdo interativo disponível no espaço. Foi concebido um ponto de interacção, com recurso a vários ecrãs, que conectam os visitantes com três temas, Sociedade e o Pensamento, Cultura e Arte e o Monumento Igreja Espírito Santo, potenciando o uso cultural, pedagógico e turístico.

De referir que o projeto integra uma plataforma para os dispositivos móveis Android e iOS, que serve de porta de entrada no Barroco através dos dez concelhos abrangidos, partilhando conhecimento sobre este período da cultura na região.

A inauguração do Centro Interpretativo do Barroco, em Arcos de Valdevez, está agendada para este sábado, dia 15 de dezembro, com a sessão inaugural às 11h00.

PCGuia

 

Recomendadas

Prémio Nobel da Literatura atribuído à escritora francesa Annie Ernaux

A Academia Sueca galardoou a autora pela “coragem e acuidade clínica com que descortina as raízes, os estranhamentos e os constrangimentos coletivos da memória pessoal”.

Exposição no Museu da Marinha celebra a amizade entre Alberto I do Mónaco e Dom Carlos I

No âmbito das comemorações do centenário do desaparecimento do Príncipe Alberto I do Mónaco, o Museu de Marinha de Lisboa irá acolher uma exposição organizada pelo Comité Albert Ier – 2022. Estará patente ao público a partir de dia 15. A inauguração, na véspera, conta com a presença do atual Príncipe do Mónaco, Alberto II.

“Trair e Coçar é só começar” vai ter dois ensaios solidários

O público português tem a oportunidade de assistir aos últimos ensaios antes da grande estreia e apoiar, assim, duas associações de solidariedade.
Comentários