Velejador português conquista 13.º lugar na Mini Transat 2015

António Fontes, velejador solitário, completou a Mini Transat 2015 em 13.º lugar, após um total de 24 dias, 23 horas, 14 minutos e 34 segundos no mar


Notice: Undefined offset: 1 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Notice: Undefined offset: 2 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Notice: Undefined offset: 1 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Notice: Undefined offset: 2 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Apesar de ter concluído a segunda etapa, entre Lanzarote (Arrecife) e Guadeloupe (Point a Pitre), no top 10, o tempo obtido na primeira etapa, de França (Douarnenez) até às Ilhas Canárias, valeu-lhe três posições na classificação geral.

O velejador, que foi apenas o segundo português a participar nesta exigente regata, confessa-se “feliz por ter conseguido realizar este sonho. Apesar de todas as dificuldades que senti ao longo desta segunda etapa, alcancei o grupo da frente”.

Depois de ter percorrido quase quatro mil milhas, o skiper português, que é apoiado pela Meritis – Associação de Apoio ao Jovem, revela as peripécias que enfrentou nos últimos 16 dias de viagem: “de início tive apenas receio do cansaço, porque não estava a conseguir dormir, embora me obrigasse a ficar na cama durante os 20 minutos em que podia descansar. Depois, desde spi médio que explodiu no sétimo dia, às nuvens que começaram a aparecer na 10.ª jornada – e que me obrigaram a ficar parado muito tempo – aconteceu um pouco de tudo”.

António Fontes partiu a 19 de setembro de Douarnenez, França, num barco à vela de 6.5 metros – sem assistência e comunicação – rumo a Lanzarote para a primeira etapa da prova. Posteriormente, reiniciou a segunda etapa a 31 de outubro em Lanzarote, partindo em direção a Point-a-Pitre, Guadalupe, onde chegou na madrugada do dia 17 de novembro.

OJE

Recomendadas

Portugal perde com Coreia do Sul e Paulo Bento está nos ‘oitavos’ do Mundial2022

Portugal conquistou hoje o Grupo H do Mundial de futebol de 2022, apesar de perder por 2-1 com a Coreia do Sul, de Paulo Bento, que se qualificou para os ‘oitavos’, eliminando Uruguai e Gana.

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta sexta-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta sexta-feira.

“A Arte da Guerra”. “O Qatar acabou por ser vítima da sua própria ambição”

Poderão os protestos relativos ao Qatar ser uma alavanca no sentido da mudança da estrutura da sociedade do país? O primeiro mundial jogado no Médio Oriente colocou todas contradições deste pequeno país debaixo do foco internacional. Veja a análise de Francisco Seixas da Costa no programa da plataforma multimédia JE TV.