Vestuário. Exportações perto de 2 mil milhões até agosto

Nos primeiros oito meses do ano, o setor de vestuário exportou mais 2,4% do que no mesmo período de 2014, atingindo um total de 1,96 mil milhões de euros, revela a Anivec (associação representativa dos interesses das empresas do setor de moda e vestuário nacional). O crescimento entre janeiro e agosto de 2015 foi alimentado […]


Notice: Undefined offset: 1 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Notice: Undefined offset: 2 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Notice: Undefined offset: 1 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Notice: Undefined offset: 2 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Nos primeiros oito meses do ano, o setor de vestuário exportou mais 2,4% do que no mesmo período de 2014, atingindo um total de 1,96 mil milhões de euros, revela a Anivec (associação representativa dos interesses das empresas do setor de moda e vestuário nacional).

O crescimento entre janeiro e agosto de 2015 foi alimentado especialmente pelos mercados da União Europeia (+2,8%), que mantêm uma quota acima dos 91%.

Os cinco principais mercados europeus no período foram Espanha (+8,8%, para 811,4 milhões de euros), França (-1,7%, para 283,3 milhões de euros), Reino Unido (-3,1%, para 193 milhões de euros), Alemanha (+1,7%, para 176 milhões de euros) e Países Baixos (+4,7%, para 74,3 milhões de euros).

Nos mercados extra-europeus, destaca-se o crescimento das exportações para os EUA (+38,5%, para 52,2 milhões de euros) e para China, para onde as exportações subiram 53,5%, para 6,4 milhões de euros.

Para César Araújo, presidente da direção da Anivec, “este crescimento reforça a posição desta indústria entre os principais exportadores nacionais mas os dados estatísticos vêm confirmar a necessidade do setor de vestuário encontrar mercados alternativos, sobretudo fora da Europa”.

OJE

Recomendadas

Vendas no comércio a retalho cresceram 0,5% em volume no mês de outubro

O agrupamento dos produtos alimentares registou uma queda homóloga de -3,2% no mês em análise (-0,2% em setembro). Por outro lado, nos produtos não alimentares observou-se um crescimento de 3,5% (4,3% em setembro).

Portal das Finanças em baixo deixa contabilistas com dificuldades em validar faturas

O Portal das Finanças está temporariamente indisponível e os contabilistas estão a ter dificuldades particularmente nas funcionalidades relacionadas com o e-Fatura.

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta quarta-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta quarta-feira.