Volume de negócios de filiais estrangeiras na Madeira cai 36%

O valor acrescentado bruto das filiais estrangeiras na região atingiu os 89,9 milhões de euros, uma quebra de 41,6%.

O volume de negócios gerado pelas filiais estrangeiras na Região Autónoma da Madeira caiu 36,8%, em 2020, para os 275 milhões de euros, de acordo com os dados da Direção Regional de Estatística (DREM). O volume de negócios gerado por estas empresas equivale a 5,8% do peso do total do volume de negócios das sociedades não financeiras regionais.

Já o valor acrescentado bruto (VAB) das filiais estrangeiras na região atingiu os 89,9 milhões de euros, o que equivale a 7,1% no total do VAB das sociedades regionais. Isto representa uma descida de 41,6%, “substancialmente superior à redução de VAB do conjunto das sociedades com sede na região, que foi de 22,8%”, refere a DREM.

No país o VAB das filias estrangeiras caiu 7,1%, inferior à descida de 9,8% do VAB das sociedades não financeiras em Portugal (-9,8%), e equivaleu a 27,8% do VAB total das sociedades não financeiras.

Recomendadas

CDU Madeira “relativiza” sondagem distante de eleições regionais

A CDU diz que “os indicadores no que se reporta à CDU estão ao nível do que são projeções anteriores e portanto não há propriamente nada de novo. Está dentro do patamar de referência a que se atribui à CDU neste tipo de estudo a este tempo de distância”.

PS Madeira desvaloriza sondagem justificando com distância das eleições regionais

A sondagem da Aximage para o Jornal Económico/Económico Madeira dá ao PS entre 17,3% e os 20,6%, consoante os diversos cenários, distante dos 35,7% atingidos nas últimas eleições regionais.

Sondagem Madeira: CDS-PP reforça maioria absoluta atingida com PSD

Nos cenários em que PSD e CDS-PP se apresentam coligados, para as regionais, atingem maioria absoluta, diz a sondagem da Aximage para o Jornal Económico/Económico Madeira.
Comentários