Wall Street encerra no ‘vermelho’. Risco de recessão deixou investidores apreensivos

O S&P 500 perdeu 0,17% para os 3.758,50 pontos. O tecnológico Nasdaq encerra a cair 0,15% para 11.053,08 pontos. O índice industrial Dow Jones também fecha o dia em terreno negativo, a desvalorizar 0,15% para 30.483,13 pontos.

Os principais índices em Nova Iorque encerraram o dia em terreno negativo. Os investidores estiveram apreensivos durante a sessão desta quarta-feira, 22 de junho, devido ao risco de recessão, e nem os comentários do presidente da Reserva Federal (Fed), Jerome Powell, serviram de catalisar para a recuperação de Wall Street.

Powell tentou minimizar as preocupações com a recessão e disse ao Congresso que o banco central tem a “resolução” para “domar” a inflação, que atingiu máximos de 40 anos. “Na Fed, entendemos as dificuldades que a alta inflação está a causar. Estamos fortemente comprometidos em reduzir a inflação e estamos a trabalhar para o fazer rapidamente”, disse o responsável da Fed.

Powell acrescentou que a Fed manterá o curso até ver “evidências convincentes de que a inflação está a cair”. O presidente da Fed também referiu que alcançar a estabilidade da economia norte-americana sem recessão tornou-se “significativamente mais desafiante”.

O S&P 500 perdeu 0,17% para os 3.758,50 pontos. O tecnológico Nasdaq encerra a cair 0,15% para 11.053,08 pontos. O índice industrial Dow Jones também fecha o dia em terreno negativo, a desvalorizar 0,15% para 30.483,13 pontos.

Em relação ao preço do barril de petróleo, em Nova Iorque, o WTI cai 3,90% para os 105.25 dólares por barril, enquanto o Brent desvaloriza 3,39% para os 110.76 dólares em Londres.

No mercado cambial, o euro aprecia 0,37% face ao dólar norte-americano para os 1,0564 dólares, enquanto a libra esterlina deprecia 0,07% face à moeda dos Estados Unidos, para 1,2264 dólares.

Relacionadas

S&P 500 prepara-se para o pior primeiro semestre desde presidência de Nixon

O peso da inflação e a postura mais agressiva da Reserva Federal levaram já o índice norte-americano a perder 21% este ano, um valor que poderá agravar-se ainda mais caso os preços continuem a subir.

Papel e energia puxam PSI para terreno negativo. Europa fecha em queda

Os mercados europeus de ações fecharam em queda. Também a dívida pública está em forte correção. O barril de petróleo Brent cai mais de 2%.

Wall Street abre no vermelho em linha com Europa

Os receios de uma recessão económica, com a inflação global a aumentar, voltaram a pesar sobre as ações esta quarta-feira.
Recomendadas

PremiumBitcoin sob pressão com receios sobre economia mundial

As criptomoedas estão a recuperar após fortes quedas, mas os analistas alertam que o movimento pode não ter sustentação.

Wall Street encerra sessão com índices a ganhar mais de 2,50%

Os mercados financeiros têm estado agitados, mas recuperaram e encerraram a semana a negociar no verde.

Bruxelas quer emitir 50 mil milhões de euros em obrigações para financiar NextGenerationEU

Bruxelas anunciou o programa de financiamento para entre julho e dezembro.
Comentários