Wall Street fecha mista com Nasdaq no ‘verde’ depois da mensagem de Powell

Recorde-se que o presidente da Reserva Federal (Fed), Jerome Powell, antecipou subidas das taxas de juros mais moderadas nos Estados Unidos a partir de dezembro.

Wall Street fecha mista com Nasdaq no ‘verde’ depois da mensagem de Powell. O Nasdaq 100 subiu 0,13% para 11.482,45 pontos e foi o único índice a fechar no verde. O Dow Jones caiu 0,56% para 34.395 pontos e o S&P 500 recuou 0,09% para 4.076,57 pontos. Isto após a divulgação de que a leitura contínua dos pedidos de subsídio de desemprego aumentou para um nível já não se via desde fevereiro, um dado que mostra que o mercado de trabalho está a começar a arrefecer e que o aumento das taxas de juro por parte da Fed tem conseguido impactar o mercado laboral.

Recorde-se que o presidente da Reserva Federal, Jerome Powell, antecipou subidas das taxas de juros mais moderadas nos Estados Unidos a partir de dezembro.

Nas empresas, a Apple valorizou 0,22% depois de Elon Musk se ter reunido com a empresa que fabrica iphones para resolver diferendos sobre o Twitter.

Esta quinta-feira ficaram conhecidos os dados da inflação PCE, uma métrica de preços que a Fed usa para a sua meta da inflação nos Estados Unidos. O índice de preços do consumidor subiu 0,2% em outubro na comparação mensal e 5% na anual, segundo dados divulgados nesta quinta-feira pelo Departamento do Comércio norte-americano. Isto é, houve um abrandamento da inflação no mês de outubro, o que reforça a ideia de que a inflação nos Estados Unidos está mesmo a abrandar. O núcleo do PCE exclui os preços de alimentos e energia, que são mais voláteis. Considerando esses preços, a inflação americana (medida pelo PCE) foi de 0,3% na base mensal e de 6% na anual.

O presidente da Fed alertou que o ciclo de subida dos juros está longe do fim, mas confirmou que o banco central vai abrandar o ritmo de subida dos juros já em dezembro. Ou seja, abranda o ritmo mas não estabelece um teto no horizonte. O que acentuou a subida do mercado de ações. O dólar voltou a perder terreno.

A Tesla foi notícia porque chamou à revisão de mais de 435.000 automóveis na China, dias depois de o fabricante de carros elétricos ter feito uma revisão de outros 80.000 carros no país.

Noutros mercados, o petróleo West Texas subiu 0,89% para 81,28 dólares e o Brent, de referência na Europa, perdeu um 0,1% para 86,88 dólares. Além disso, o euro valoriza 1,13% para 1,0524 dólares e o ouro avançou 3,27%.

O Morgan Stanley publicou o seu o’outlook’ para os mercados financeiros em 2023, e perspetiva que o contexto económico de baixo crescimento dos PIB, o alívio da inflação e uma nova fase da política monetária é favorável às obrigações, ações defensivas e mercados emergentes, o destaque foi dado pela newsletter da BA&N Unit Research.

Recomendadas

Fed conseguiu o esperado milagre de agradar a Wall Street

No dia em que a Reserva Federal deu mostras de moderação no aumento das taxas de juro, o mercado de capitais respondeu pela positiva, como não podia deixar de ser – com o Nasdaq a comandar. Resta saber quanto tempo durará o momento.

EUA: Powell reconhece primeiros sinais de alívio na inflação, mas é “prematuro declarar vitória”

O presidente da Fed afastou cortes de juros este ano, embora admita que a inflação começa a dar sinais de abrandamento. O caminho ainda é longo e a ‘aterragem suave’ continua em cima da mesa, tal como uma taxa terminal abaixo de 5%.

EUA: Reserva Federal abranda ritmo de subida dos juros com mais 25 pontos base

O mercado já antecipava esta decisão, dado o abrandamento da inflação nos últimos meses, mas a mensagem da Fed tem sido agressiva, sinalizando que o processo está ainda longe de concluído.
Comentários