Wall Street fecha misto com apenas Dow Jones a verde

O índice industrial Dow Jones fechou a sessão, esta segunda- feira, a somar 0,120% para 30,216,45 pontos, tendo sido o único índice a fechar a verde. O S&P 500 recuou 0,40% para 3.694,62 e o tecnológico Nasdaq derrapou 0,10% para 12.742,52 pontos. 

O dia, influenciado pela nova estirpe da Covid-19 no Reino Unido, começou em Wall Street, com todos os índices bolsistas a vermelho, mas fechou com uma ligeira melhoria.

O índice industrial Dow Jones fechou a sessão, esta segunda- feira, a somar 0,120% para 30,216,45 pontos, tendo sido o único índice a fechar a verde. O S&P 500 recuou 0,40% para 3.694,62 e o tecnológico Nasdaq derrapou 0,10% para 12.742,52 pontos.

A notícia sobre a estirpe da Covid-19 no Reino Unido levantou rumores de paralisações adicionais e levou países ao redor do mundo a fecharem suas portas para viajantes do Reino Unido. A notícia fez com que as ações das companhias aéreas despencassem, mesmo com a perspetiva de 12,26 mil milhões de euros em assistência.

A Tesla, a empresa mais valiosa já adicionada ao S&P 500 fechou com um recuo de 6,48%. Nem tudo foi mau e a Nike subiu 4,87% depois de a fabricante de roupas desportivas ter aumentado a sua previsão de receita para o ano inteiro, levando vários corretores a aumentar os seus preços-alvo.

O petróleo brent desceu 2,93% para 50,73 e o petróleo bruto WTI reduziu 2,99% para 47,7%.

O euro desvalorizou 0,02% face ao dólar para 1,2239 e a libra diminuiu 0,06% para 1,3455 perante o dólar.

 

Recomendadas

Mercado Automóvel em Portugal cai 34,7% até setembro

Apesar do mercado automóvel ter caído entre janeiro e setembro, foram matriculados mais 12,8% automóveis no mês passado do que em período homólogo de 2021.

Medidas de apoio à inflação agravam endividamento das empresas e dinâmica inflacionista, alerta Fórum para a Competitividade

O think-tank critica as opções do Governo para o apoio a famílias e empresas face à subida generalizada de preços, sugerindo, ao invés, que haja uma dispensa do pagamento por conta no IRC, que o Estado pague as suas dívidas a fornecedores e que se acelere o investimento.

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta segunda-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta segunda-feira.
Comentários