Wall Street inicia sessão em leve baixa condicionado pelo abrandamento da subida de preços no produtor

Cerca das 14:40 (hora de Lisboa), o tecnológico Nasdaq deprecia 0,28% para 30,54 pontos, o financeiro S&P 500 perde 0,21% para 3.954,30 pontos, e o industrial Dow Jones recua 0,15% para 33.730,26 pontos.

A bolsa de Nova Iorque abre a sessão desta sexta-feira em leve baixa condicionada pelo abrandamento da subida de preços no produtor.

Cerca das 14:40 (hora de Lisboa), o tecnológico Nasdaq deprecia 0,28% para 30,54 pontos, o financeiro S&P 500 perde 0,21% para 3.954,30 pontos, e o industrial Dow Jones recua 0,15% para 33.730,26 pontos.

“Wall Street arranca em leve baixa, condicionada pela revelação de que o abrandamento do ritmo de subida de preços no produtor em novembro foi menos expressivo do que se estaria à espera, trazendo receios de que as pressões inflacionistas continuem a obrigar a uma política monetária mais restritiva da Fed”, escreve o analista do Millenium Investment Banking.

“No seio empresarial, de notar o disparo da Docusign depois da sua faturação ter surpreendido os analistas, numa empresa que até ao fecho de ontem tombava mais de 70% este ano. A Broadcom sobe depois de mostrar uma boa execução trimestral e deixou projeções acima do esperado e a Netflix está animada com um upgrade. Em sentido inverso a Lululemon desiludiu no Outlook e na evolução dos inventários, que provocaram receios de procura no setor”, acrescenta Ramiro Loureiro.

Em relação ao preço do barril de petróleo, em Nova Iorque, o WTI sobe agora 1,41% para os 72,48 dólares por barril, e o Brent valoriza 1,14% para os 77,05 dólares em Londres.

No mercado cambial, o euro desvaloriza 0,18% em relação ao dólar, estando a ser negociado perto dos 1,0538 dólares.

Recomendadas

Abordagem da Fed para controlar inflação anima Wall Street no fim da sessão

A bolsa de Nova Iorque fechou a sessão desta terça-feira, 31 de janeiro, com um sentimento positivo devido à abordagem da Reserva Federal (Fed) para controlar a inflação um dia antes da decisão política do banco central norte-americano. No início da sessão, o S&P 500 cresceu 1,46%, para 4,076.26 pontos, o tecnológico Nasdaq valorizou 1,67%, […]

Bolsa de Lisboa fecha sessão no ‘verde’ com BCP a liderar ganhos

As principais bolsas europeias terminaram divididas, com o DAX (Alemanha) e o CAC 40 (França) a registarem valorizações de 0,01%, enquanto o FTSE 100 (Reino Unido) perdeu 0,16% e o IBEX 35 (Espanha) depreciou 0,15%.

Wall Street arranca sessão com todos os índices no ‘verde’

A bolsa de Nova Iorque iniciou a sessão com sinais positivos nos três principais índices, apesar da queda das ações da McDonald’s.
Comentários