Wall Street não escapa à nova estirpe e abre no ‘vermelho’

Os principais índices bolsistas em Nova Iorque também não resistiram à pressão da nova estirpe da Covid-19, à semelhança do que se assiste na Europa.

Os principais índices bolsistas em Wall Street arrancaram as negociações, desta segunda-feira, em terreno negativo em linha com as congéneres europeias que também não resistem à pressão de uma nova estirpe da Covid-19 registada no Reino Unido e que se transmite 70% mais depressa do que aquela que circula atualmente pelo mundo.

O índice industrial Dow Jones começou a sessão a perder 0,50% para 30,026.82 pontos, enquanto que o S&P 500 derrapa 1,05% para 3,670.48 e o tecnológico Nasdaq desvaloriza 1,05% para 12,621.46 pontos. Nem a Tesla, que regista hoje o seu primeiro dia a negociar no S&P500 escapa ao vermelho. A empresa de Elon Musk cai 5,07% para 659.88 dólares.

Esta nova variante do vírus Sars-Cov-2 vem deixar os investidores norte-americanos receosos, embora tenham motivos para negociar em alta depois de os democratas e os republicanos terem chegado a acordo no Congresso para aprovar estímulos de 900 mil milhões de dólares, (cerca de 737 mil milhões de euros).

Face à nova estirpe, vários países, dentro e fora da Europa, procederam à adotação de novas restrições aéreas oriundas do Reino Unido. Nos Estados Unidos, as empresas dependentes do turismo como a American Airlines e a Norwegian Cruise Line, ambas cotadas em Nova Iorque, derrapam, respetivamente, 3,88% para os 15,86 dólares e 4,17% para os 24,10 dólares.

Já a Airbnb, que se juntou recentemente às cotadas do Nasdaq, e cujo IPO há duas semanas foi apoiado por um grande interesse em negociações de “reabertura”, caiu 6,8% para 148.35 dólares.

Recomendadas

Cotação do barril Brent para entrega em novembro baixa para 87,96 dólares

A cotação do barril de petróleo Brent para entrega em novembro terminou esta sexta-feira no mercado de futuros de Londres em baixa de 0,73%, para os 87,96 dólares.

Wall Street encerra sessão com principais índices a perder mais de 1,50%

No momento de fecho o Dow Jones recua 1,71%para 28.725,84 pontos, o S&P 500 cede 1,51% para 3.585,40 pontos e o tecnológico Nasdaq desvaloriza 1,51% para 10.575,62 pontos. 

PremiumAções com pior mês desde junho e pode não ficar por aqui

Libra em forte desvalorização e juros da dívida do Reino Unido disparam após polémico “mini-orçamento” de Liz Truss.
Comentários