Ano Novo

Hotéis e restaurantes pedem “medidas compensatórias” devido a suspensão de festas no Ano Novo

A associação defende que os cancelamentos de festas de Ano Novo “vêm abalar a confiança, quer das empresas quer dos consumidores”.

Madeira paga 1,1 milhões de euros para fogo de artifício nas festas de natal e ano novo

já tinham sido fixados os valores referentes às iluminações decorativas e também à montagem e desmontagem das iluminações para as festas de natal e fim do ano.

“Encomendar refeições no Ano Novo é solução para evitar ajuntamentos durante a confeção”, diz AHRESP

“A Direção- Geral da Saúde (DGS) anunciou diversas recomendações para a época festiva, tendo referido que as cozinhas nesta altura são locais de alto risco, visto que são grandes espaços de convívio entre pessoas e familiares, e o distanciamento físico dever-se-á sempre considerar”, Recorda a AHRESP no boletim diário. 

Iniciativa Liberal defende relaxamento das restrições do estado de emergência no Natal

João Cotrim Figueiredo defendeu, numa audiência com Marcelo Rebelo de Sousa, que não haja proibição de circulação entre concelhos para que as famílias possam estar juntas na época natalícia.

Dez mortos em cerca de 3.400 acidentes na operação “Natal e Ano Novo” da GNR

Cerca de 3.400 acidentes rodoviários, que provocaram 10 mortos e 57 feridos graves, foram registados pela GNR desde o dia 20 de dezembro e até às 16:00 de hoje no âmbito da operação “Natal e Ano Novo”.

Comércio ‘online’ cresceu de 5% a 10% entre a Black Friday e o fim de 2018

Cada vez mais, o período de Natal é crítico para as empresas de correio expresso. O comércio digital faz disparar os pedidos de encomendas. E o período das festas natalícias alargou-se, começando na ‘Black Friday’ e prosseguindo até ao final do ano. Os responsáveis de algumas das maiores empresas logísticas a funcionar em Portugal, como a UPS, DHL, Chronopost/SEUR (DPD) e Garland, revelam ao Jornal Económico foi como a sua atividade disparou na última quadra festiva.

Dezembro foi o melhor mês de sempre da rede Multibanco

A SIBS registou 100 milhões de compras e 250 milhões de operações, de acordo com os dado relativos a levantamentos e pagamentos no período de Natal e Ano Novo.

Evite o trânsito no réveillon: os transportes públicos foram reforçados

Há sempre alternativa, mas se quiser mesmo, (mesmo) levar o carro, tenha atenção porque a polícia vai estar atenta. Porém, a Polícia de Segurança Pública não divulga os locais das operações de fiscalização para o fim-de-semana da passagem de ano.

Greve dos guardas prisionais ameaça visitas de Natal a reclusos

Os sindicatos protestam contra os novos horários de trabalho, que dizem ser “impraticáveis” e explicam que é necessária “uma medida drástica para um problema grave”.
Ver mais artigos