armas nucleares

A longa guerra

Olhando para todos os intervenientes, não é do interesse de nenhuma das partes que a guerra acabe rapidamente.

Guerra e Paz

As imagens [na Ucrânia] falam por si e, se há coisas que as mesmas nos trazem, são, de um lado, uns heróis anónimos e, por outro, a profunda desonra não apenas dos que matam acriticamente como dos que deixaram que tal sucedesse.

Fim das armas nucleares é uma questão humanitária

A ONU aprovou o Tratado de Proibição de Armas Nucleares em 2017, com vista à negociação de um instrumento legalmente vinculativo que proíba as armas nucleares. Apenas foi ratificado por 26 Estados.

Parlamento discute proibição das corridas de galgos e das armas nucleares

Para a reunião plenária de hoje está agendada a discussão de propostas que visam a proibição das corridas de galgos e a assinatura e ratificação do Tratado de Proibição de Armas Nucleares adotado pela Organização das Nações Unidas em 2017.

Bloco de Esquerda defende “eliminação definitiva das armas nucleares”

Bloquistas apresentam projeto de resolução que “recomenda ao Governo a assinatura e ratificação do Tratado de Proibição de Armas Nucleares”. Negam “poder preventivo” das armas nucleares e criticam “submissão de Portugal aos interesses belicistas” da NATO.

Parlamento discute ratificação do Tratado de Proibição de Armas Nucleares

Filipe Nuno Gouveia Ferreira, autor da petição que vai ser discutida esta quarta-feira, defende que as armas nucleares são a maior ameaça à humanidade e que a única forma de eliminar esta ameaça é garantir que “as armas nucleares nunca mais serão usadas em nenhuma circunstância”.

Kim Jong-un diz que cimeira com Donald Trump estabilizou a segurança regional

O líder da Coreia do Norte enalteceu hoje a cimeira realizada com Donald Trump, presidente dos EUA, na medida em que estabilizou a segurança regional. Jong-un também disse que espera obter mais progressos na próxima cimeira inter-coreana.

Casa Branca recua e afirma que Irão tinha programa nuclear ativo

A Casa Branca recuou hoje na declaração de que o Irão mantém ativo um programa de armas nucleares “robusto e clandestino”, sublinhando que este está congelado desde o acordo nuclear de 2015.

China critica sanções unilaterais americanas à Coreia do Norte

A China exigiu hoje que os Estados Unidos cessem imediatamente a “prática errada” de impor sanções a entidades e pessoas chinesas, que são afetadas por medidas unilaterais contra a Coreia do Norte, anunciadas pela Casa Branca.
Ver mais artigos