austeridade

A Proteção Social no Portugal Democrático: caminhos de reforma do PREC à pandemia

Educação é liberdade, porque sem qualificações escolares não se é livre para garantir segurança material através do emprego na economia de hoje. Tendo presente a ideia de que a proteção social é a arena onde se negoceia a tensão entre liberdade e igualdade.

Austeridade pela inflação

O orçamento de 2023 é de forte austeridade, à boleia da inflação, num cenário de debilidade económica.

Geração Covid

Ocultar intergeracionalmente a desigualdade intrageracional dos que nos seguem é o pior que podemos fazer. A geração Covid merece-nos uma vaga de reciprocidade, solidária, no sentido exacto de uma interdependência que nos segura a todos.

João Leão: “Só uma estratégia orçamental responsável pode garantir estabilidade e confiança sem austeridade”

O ministro do Estado e das Finanças afirmou, em audição no Parlamento, que a prioridade do país deve ser a “forte recuperação económica e social” e que isso não invalida a continuidade da trajetória de “estabilidade” das contas públicas.

OE2022: Governo acena ao PCP, PAN e PEV. “Valorizamos a marca dos diferentes partidos”

Reconhecendo que o próximo Orçamento “não será mais fácil ou menos exigente”, João Leão disse que o Governo valoriza “a marca dos diferentes partidos” e que já foram concretizadas “mais de metade das medidas previstas no OE2021”.

Dívida não é sinónimo de austeridade

A sustentabilidade da dívida pública em nada depende do seu valor absoluto, mas sim da sua trajetória. Por isso, antes de se apontar a necessidade de medidas de austeridade, é imperativo compreender o que torna uma dívida sustentável.

Primeiro-ministro diz que recuperação “vai ser caminho longo” de dois ou três anos

António Costa admitiu que muitos consideram que houve um retrocesso a novembro de 2015, aquando do início da governação socialista, mas salientou a recusa da austeridade como resposta à crise provocada pela pandemia.

A urgência de sermos desconfinadores implacáveis de reformas

Portugal precisa de reformas estruturais. O que tem faltado é a resiliência e determinação para avançar no sentido certo, muitas vezes em favor da agenda política do momento.

Austeridade, uma inevitabilidade europeia pós-Covid?

Não é de descurar que alguma pressão possa surgir por parte da Comissão Europeia para que existam alguns esforços de consolidação fiscal, quando a atual suspensão das regras fiscais da UE terminar.
Ver mais artigos