Capital Verde Europeia

Como queremos as cidades do futuro? Verdes e prósperas

A aposta numa economia mais dinâmica talvez seja o passo que falta a Lisboa, para que, daqui a uns anos, nos possamos orgulhar de estar na vanguarda das cidades verdes do futuro. E Lisboa será apenas o começo.

Aeroporto do Montijo em rota de colisão com o Pacto Ecológico Europeu

Dois investigadores portugueses, José Alves, da Universidade de Aveiro (UA), e Maria Dias, da BirdLife International assinam um artigo no último número da revista ‘Science’, apelando ao Governo português que reconsidere a decisão de autorizar a construção desta infraestrutura, uma vez que o projeto não combate a mudança climática global e também não reverte a crise da biodiversidade.

Lisboa, o parque de diversões de Medina

A CML propõe-se reduzir em 40% os carros no centro e as emissões, mas foi o mesmo executivo que tudo fez para transformar Lisboa numa Veneza de segunda categoria, a cidade europeia que mais navios de cruzeiro recebeu em 2017.

Conferência que começou como acidente quer mudar as cidades

“Depois de anunciarmos, alugámos um espaço onde cabiam 200 pessoas mas nunca pensámos encher. No fim, acabámos com mais de mil pessoas de mais de 30 países”, afirma o fundador do projeto.

‘Declare Ação’. Festivais unem-se à Capital Verde Europeia “com um único telefonema”

“Lisboa é a Capital Verde Europeia mas não está concentrada no seu próprio umbigo, está a conversar com todo o país”, declarou Roberta Medina, responsável pelo Rock in Rio e por esta iniciativa.

Lisboa está na corrida a Capital Verde da Europa 2019

Os restantes quatro finalistas são Gent, Lahti, Oslo e Talim. No dia 2 de junho, os vencedores vão ser anunciados em Essen, a cidade alemã que este ano ganhou o prémio da Comissão Europeia.
Ver mais artigos