fachadas energéticas

Casas climatizadas a custo (quase) zero? Sim, mas é preciso 1 milhão para arrancar

Empresa prevê que, dentro de cinco anos, esta solução esteja a ser comercializada em vários mercados e em quantidades na ordem de 45 mil unidades/ano, gerando resultados de cerca de três milhões de euros anuais.