Housers

Housers. Plataforma de crowdfunding estrangeira garante autorização da CMVM

Antes de obter a autorização da CMVM, a empresa espanhola já operava em Portugal, tendo financiado 19 projetos de imobiliário, onde os utilizadores investiram mais de seis milhões de euros, sendo que 80% deste valor corresponde a investidores internacionais.