Jovens “nem-nem”

Desemprego: há cada vez mais jovens “nem-nem”

Os jovens “nem-nem” ultrapassaram a barreira dos 300 mil em setembro. São jovens que não trabalham, não estudam e não estão em formação.