Lisnave

Esta é a “cidade da água” que vai nascer na antiga Lisnave em Almada

O concurso para o projeto “Cidade da Água” foi apresentado esta terça-feira, pelos responsáveis da empresa Baía do Tejo, no mesmo lugar onde a nova cidade vai nascer nas margens do rio que une Lisboa e a margem sul do Tejo.

Indústrias de Setúbal apelam a acordo urgente para parar greve no porto

Segundo as últimas estimativas, as principais indústrias da península de Setúbal devem valer cerca de 3,5% do PIB – Produto Interno Bruto em termos de faturação e devem rondar cerca de 10% do PIB no que respeita a exportações nacionais.

Empresários brasileiros estudam investimentos na margem sul do Tejo

A empresa pública Baía do Tejo, que gere terrenos nos concelhos do Barreiro, Seixal e Almada, recebe esta terça-feira uma comitiva de cerca de uma dezena de empresários brasileiros interessados em efetuar investimentos imobiliários e turísticos nesta região.

Rebonave perde no processo que visa extinção do monopólio nos rebocadores para a Lisnave

Apesar desta decisão do tribunal, o processo, que envolve a AMT, o Tribunal Administrativo e Fiscal de Almada, a Rebonave, a Lisnave e a Svitzer, está longe de ter chegado ao fim.

Estado vai pôr à venda terrenos da ex-Lisnave no início de 2019

Em entrevista ao jornal “Público”, Miguel Cruz, presidente da Parpública, adianta que o processo de venda vai ter início no primeiro trimestre do próximo ano, prevendo-se um abate considerável no défice público.

Lisnave com atividade em alta nos primeiros nove meses de 2017

Os navios reparados pela Lisnave nos primeiros três trimestres de 2017 foram provenientes de 39 clientes diferentes, de 19 países.

Investidores da Coreia do Sul atentos à Lisbon South Bay

Comitiva liderada pelo embaixador da Coreia do Sul em Portugal garantiu que irá fazer promoção dos territórios da margem Sul do Tejo junto dos empresários de um dos países mais industrializados do Mundo.

Governo aprova para uso urbano os terrenos da antiga Lisnave

O Governo aprovou no Conselho de Ministros o decreto-lei que desafeta do domínio público hídrico e integra no domínio privado do Estado uma parcela de terreno pertencente aos denominados terrenos da Margueira e concessiona duas parcelas do domínio público à Baía do Tejo.

Empresas dinamarquesas interessadas em investir no Barreiro

Michael Suhr, embaixador da Dinamarca em Portugal, visitou os territórios da Baía do Tejo no Barreiro, Seixal e Almada no final da semana passada, evidenciando mais um sinal do interesse de empresas daquele país nórdico em investir na região.
Ver mais artigos