lusofonia

3ª edição do Prémio Literário da Lusofonia Professor Adriano Moreira com inscrições em curso

Promover a produção e a criatividade literárias, no âmbito da temática da Lusofonia, é uma das finalidades do Prémio Literário da Lusofonia Professor Adriano Moreira. As inscrições para a 3ª edição já estão a decorrer e terminam no dia 30 de abril de 2023.

Dia da Língua Portuguesa assinalado em 52 países

O Dia Mundial da Língua Portuguesa, que esta quinta-feira se assinala “pelos quatro cantos do mundo”, é “uma oportunidade para inscrever a língua portuguesa nas diversas agendas globais” e afirmar “a sua importância estratégica”, sublinhou João Gomes Cravinho.

Escritaria 2021 presta homenagem a Germano Almeida

Germano Almeida, o escritor, a obra e o cinema que esta inspirou vão estar em destaque no festival literário Escritaria. Assim como o seu novo livro. De 24 a 31 de outubro, todos os caminhos vão dar a Penafiel.

JALP, um olhar sobre a Lusofonia e o direito

Sob a égide “proteger um novo futuro”, apostamos na diversidade e representatividade dos jovens advogados, incentivando a formação e a partilha de conhecimento sem esquecer a língua, a cultura e a responsabilidade social.

É hora de decidir que TAP queremos

Uma companhia aérea bem gerida e com a dimensão certa pode ser um instrumento poderoso para a defesa dos nossos interesses. Mas não vale a pena ter uma TAP que sirva para alimentar ‘lobbies’ e dar emprego a políticos. Vamos ter muito tempo para pensar nisto, enquanto pagamos a factura de três mil milhões.

A nova versão da jangada

Costa Silva ao gizar o seu plano não pretende, tal como Adriano Moreira, virar costas à Europa. Percebe que é na sinergia complementar da integração europeia e da pertença lusófona que Portugal deve apostar.

Ex-primeiro-ministro à frente das presidenciais da Guiné-Bissau e atual Chefe de Estado fora da segunda volta

Domingos Simões Pereira disputa segunda volta com Umaro Sissoco Embaló a 29 de dezembro, enquanto José Mário Vaz não foi além da quarta posição e não poderá continuar na presidência do país lusófono.

Da costa à contracosta

Um autor angolano, José Eduardo Agualusa, e um outro moçambicano, Mia Couto, tratam temas que partilhamos e que inevitavelmente surgem quando nos relacionamos. Mas que mensagem fica? O amor salva, o ódio mata.

Desígnio da portugalidade

Somos um país periférico mas possuímos múltiplas centralidades. Somos secundários na Europa mas podemos abrir novas portas à Europa.
Ver mais artigos