procura interna

2022 poderá ser um ano de muito boa memória para a Economia Portuguesa

Há mais razões do que o efeito base e o fim da maioria das medidas de controlo sanitário para estar otimista face a 2022, sem descurar o turismo e uma menor exposição às consequências do conflito na Ucrânia.

Uma boa notícia: crescimento real do PIB em 11,9%

As políticas de aumentos salariais seguidas pelo Governo são uma forma de retirar poder de compra aos rendimentos do trabalho pois não jogou, quando podia, com um mix de políticas: aumento de salários e alívio da fiscalidade sobre o trabalho.

O elogio da política económica

O paradoxo da poupança tem um efeito negativo sobre a economia, comprometendo o seu crescimento. Neste sentido, compete ao Estado fazer o contrapeso deste comportamento de entesouramento.

Aldeias do Xisto lançam promoção e aderem à campanha ‘Visita Portugal’

Até 15 de dezembro, os descontos nesta Rede das Aldeias de Xisto, com quatro hotéis de 60 casas na Região Centro do país, chegam aos 50%, com o objetivo de promover a procura interna pelo turismo.

Pior a emenda que o soneto

Esperemos pelas iniciativas das grandes economias, guardando os poucos cartuchos para estímulos de natureza fiscal que permitam aliviar a carga tributária.

Banco de Portugal aponta saldo negativo na balança de bens e serviços e revê em baixa PIB para 2020

Boletim Económico de Junho aponta para que balança de bens e serviços já seja negativo este ano, ao contrário do que constava das previsões anteriores do banco central. Procura interna continuará a ser motor do crescimento económico.

Respostas rápidas: Como é que Portugal conseguiu o maior crescimento em 17 anos?

Portugal assistiu a um crescimento económico de 2,7% em 2017, o mais rápido desde 2000, segundo a estimativa rápida publicada esta quarta-feira pelo INE. A chave esteve no disparo do investimento.
Ver mais artigos