sanções

Infantino, FIFA, Catar e o Governo do Futebol em Portugal

O futebol pode, pela sua popularidade, ser um instrumento crucial para modificar atitudes e mentalidades de um povo que precisa urgentemente de mais exemplos de liderança, conduta e de sentido e força da justiça.

Ucrânia candidata à União Europeia

Não há pressa alguma no alargamento. O problema essencial de hoje da UE não se coloca ao nível de novos membros, coloca-se, sim, no combate à perda de poder de compra da população, à crise climática que os dirigentes da União com as suas políticas levianas a vários níveis estão a agravar.

Guerra e gás, a Europa agrilhoada

O dilema da UE é que forçar o corte das trocas entre a Alemanha e a Rússia penalizará a Rússia, mas também a economia europeia, fruto do peso da Alemanha neste espaço de integração.

Entre a frigideira e o lume

É indispensável contrariar a recessão económica, mas tal não pode ser feito à custa de meter na gaveta o combate contra as alterações climáticas. São dois males maiores.

Dachser expande capacidade de transporte aéreo devido à guerra na Ucrânia

A multinacional logística irá passar a operar um voo ‘charter’ semanal adicional na rota Frankfurt – Xangai durante as próximas três semanas.

O futuro incerto da globalização num mundo dividido em blocos

As sanções à Rússia não passarão despercebidas em Pequim. O que aconteceria aos investimentos chineses na Europa se Xi Jinping invadisse Taiwan?

Sancionado

Só podem ser os próprios russos a fazer o ‘Putout’. Duas condições são necessárias: a Europa tem que deixar de depender da energia russa e tem de manter a unidade no isolamento da Rússia, sem fechar os canais diplomáticos.

A economia em tempo de guerra

As sanções visam dissuadir a guerra e são por isso importantes, mas o tabuleiro internacional não se resume a um mero dilema. Há muito que a globalização lançou os dados de um jogo onde as economias estão todas prisioneiras.

Consequências económicas da guerra

As consequências principais da guerra deverão ser a subida da inflação e uma desaceleração do PIB, que, por enquanto, parece que será limitada, não obstante a elevada incerteza.
Ver mais artigos