sociedades

Madeira cria mais 696 empresas

Comparando a Região Autónoma da Madeira com o âmbito nacional, o rácio entre constituições e dissoluções de sociedades foi de 2,53, o que corresponde a um número superior ao valor observado para o país: 1,83.

Madeira ganhou mais 308 empresas em 2020

Em 2020 foram criadas 881 sociedades e dissolvidas 573 na Madeira. Área do alojamento, restauração e similares foi a que teve o saldo mais positivo.

Madeira teve mais 94 empresas no quarto trimestre de 2020

A Madeira criou 312 sociedades, no quatro trimestre, e dissolveu 218. A área das atividades imobiliárias foi o setor com o saldo mais positivo.

Madeira: há menos sociedades constituídas e dissolvidas no segundo trimestre deste ano

O Funchal é o concelho onde mais se constituem, mas também é o concelho onde mais se dissolvem sociedades. Neste concelho constituíram-se este ano 383 sociedades e dissolveram-se 221. 

Bloco ataca “hesitações” do PS e exige proibição de deputados em sociedade de advogados

A coordenadora do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, criticou este sábado as hesitações políticas do PS e considerou urgente como medida de transparência acabar com a possibilidade de deputados fazerem também parte de sociedades de advogados.

Caso do apagão de offshores continua uma incógnita no Fisco

Os representantes dos funcionários da Autoridade Tributária e Aduaneira denunciam o silêncio e a demora nas respostas e sanções sobre o problema informático.

Empréstimos às famílias voltam a baixar em abril

Os dados apresentados esta terça-feira pelo Banco de Portugal mostram ainda uma redução na taxa de variação anual dos empréstimos concedidos às sociedades não financeiras.

Sociedades anónimas… sem anonimato? AHP debate nova lei

A AHP – Associação da Hotelaria de Portugal realiza no próximo dia 17 de maio, pelas 14h15, no Hotel Real Palácio, em Lisboa, a apresentação “O fim do anonimato nas sociedades anónimas”.

Volume de negócios das empresas portuguesas cresce 1,2% em 2015, revela INE

Evolução dos principais indicadores económicos e financeiros relativos ao setor empresarial, em 2015, foi “globalmente positiva”.
Ver mais artigos