wells fargo

Bancos norte-americanos abrem hoje a época de resultados: lucros devem cair pelo menos 25% por causa da Covid-19

Os seis principais bancos dos Estados Unidos começam a apresentar os resultados do primeiro trimestre nesta terça-feira e o seu desempenho vai tirar uma fotografia mais nítida aos impactos da Covid-19. Segundo os analistas, os lucros devem contrair entre 25% e 60% e os investidores vão centrar as atenções na qualidade do crédito.

Lucros do último trimestre de 2019 do Wells Fargo tombam mais de 50%

O banco sedeado em São Francisco fez uma provisão de 1,5 mil milhões para eventuais custos com processos judiciais o que fez aumentar as despesas não core em 17% no último trimestre. Os processos judiciais arrastam-se desde 2016, quando colaboradores do banco falsificaram milhares de contas para alcançarem os objetivos. CFO culpa ambiente de taxas de juro negativo para explicar queda nos lucros.

Wells Fargo regista aumento do lucro em 17% no primeiro semestre do ano

O quarto maior banco dos Estados Unidos justifica este crescimento com a subida dos negócios de crédito ao consumidor. O lucro líquido atingiu os 10,7 mil milhões de euros, enquanto o volume de negócios alcançou os 38,4 milhões de euros.

Bancos dos EUA passam nos ‘stress tests’ e podem aguentar perdas de 361 mil milhões

Os 18 bancos norte-americanos alvo dos ‘stress tests’ passaram no crivo da Reserva Federal e aparentemente estão mais sólidos do que nunca.

“Venda as ações do Facebook”: a surpreendente recomendação de um ‘analista robot’

A máquina foi criada com o intuito de ajudar os analistas a tomar decisões mais imparciais, tendo em conta o crescente descrédito dado a analistas humanos, que se acredita que sejam cada vez mais influenciados por interesses pessoais ou de terceiros.

EUA: Comité Financeiro pede encerramento do Wells Fargo

Norte-americana Maxine Waters escreveu um relatório de 38 páginas onde acusa o banco de abusar da confiança de milhões de clientes.

CEO do Wells Fargo renuncia ao cargo

John Stumpf, que era também o chairman da instituição, afasta-se na sequência do escândalo com mais de dois milhões de contas abertas, desde 2011, sem autorização dos clientes.

Escândalo do Wells Fargo atinge pequenos empresários

Informação surge depois de o senador David Vitter ter solicitado, no final do mês passado, dados acerca do caso.

CEO do Wells Fargo assume responsabilidade em escândalo

John Stumpf lamenta profundamente, perante uma Comissão do Senado, a criação de contas falsas sem autorização dos clientes.
Ver mais artigos