Autor
Armindo Azevedo, Economista e Grão Mestre da Grande Loja Legal de Portugal – Grande Loja Regular de Portugal
Artigos

A cooperação depois de Davos

O ‘greenwashing’ é mau para as pessoas, para o planeta e para a nossa prosperidade coletiva. As entidades reguladoras a nível nacional, europeu e mundial, devem reforçar o seu papel de supervisão e separar cada vez melhor o trigo do joio.

A TAP não é uma empresa, é a empresa

Não me é possível alinhar com as teses algo levianas e de algum radicalismo de inspiração (neo)liberal, que tratam a TAP como se fosse apenas mais uma empresa entre outras, cujo futuro apenas ao mercado deve ser entregue.

Recuperar Portugal

A economia portuguesa é, sem dúvida, uma economia de mercado. Mas o Estado tem o dever de desenvolver um importante papel na definição das regras, garantindo a sua estabilidade e regulação e o apoio à economia produtiva.