Câmara do Funchal: Instalação de 15 colmeias para projeto de apicultura já recolheu 60 quilos de mel

A autarquia refere que o objetivo do projeto passa por “contribuir para o fomento da biodiversidade do Parque Ecológico, para a preservação da abelha e para a divulgação da atividade como referência para a sustentabilidade dos ecossistemas florestais”.

A Câmara Municipal do Funchal (CMF) estabeleceu um protocolo com a Associação de Apicultores da Madeira e Porto Santo (AAMPS) para desenvolvimento de um projeto apícola, tendo já instalado 15 colmeias no Parque Ecológico do Funchal e seis apicultores, os quais recolheram 60 quilos de mel.

A autarquia refere que o objetivo do projeto passa por “contribuir para o fomento da biodiversidade do Parque Ecológico, para a preservação da abelha e para a divulgação da atividade como referência para a sustentabilidade dos ecossistemas florestais”.

Neste âmbito, para além da produção de mel, são também objetivos da CMF realizar atividades técnico-pedagógicas, no âmbito da educação/ formação do setor apícola regional, bem como sensibilizar as crianças, jovens e adultos para a importância dos polinizadores, refere a vereadora do ambiente da CMF, Nádia Coelho.

Nádia Coelho salienta, no entanto, que o projeto está ainda numa “fase embrionária”, mas “tem muito potencial”, deixando em aberto a possibilidade, no futuro, de serem desenvolvidos outras iniciativas.

No âmbito do Dia Mundial da Abelha, o qual é celebrado hoje, a vereadora lembra que as abelhas são seres vivos essenciais à manutenção da biodiversidade, cuja função de polinização abrange cerca de 90% das espécies de plantas silvestres com flor e 75% das plantações de alimentos do mundo cruciais para a humanidade.

A CMF chama atenção ainda para o facto destes insetos estarem sob risco de extinção elevado, por causa dos impactos de origem antropogénica, a utilização excessiva de pesticidas, o aumento das monoculturas e as alterações climáticas.

Deste modo, o Dia Mundial da Abelha foi instituído em 2017 pelas Nações Unidas, para alertar para a importância da polinização e dos seus diversos agentes que contribuem para um desenvolvimento sustentável.

Para assinalar a data, este ano em parceria com a AAMPS, o Parque Ecológico promoveu uma atividade de sensibilização para a importância dos polinizadores, que permitiu aos cerca de 50 participantes, com idades entre os nove e os 15 anos, conhecer a morfologia da abelha, os procedimentos e logística da atividade apícula. No final, houve uma atividade de degustação dos vários tipos de mel produzidos, no próprio Parque Ecológico do Funchal e noutros locais.

Recomendadas

Companhia aérea espanhola Binter inaugura três novas rotas a partir da Madeira

A companhia aérea espanhola Binter inaugura este fim de semana um programa especial de verão na Madeira, realizando duas novas ligações diretas às Canárias e uma a Marrocos

Funchal: Coligação Confiança lamenta chumbo da proposta para estender manuais escolares gratuitos ao secundário

O Vereador Miguel Silva Gouveia destaca que com esta reprovação da proposta da Confiança, os estudantes do ensino secundário do Funchal não terão acesso a manuais escolares gratuitos no próximo ano letivo 2022/2023, nem sabem quando é que esse direito, que já é uma realidade a nível nacional, se cumprirá na Madeira.

Deco diz que a crise é uma realidade e os consumidores enfrentam cada vez mais dificuldades

A atuação da Deco passa pela análise da situação específica do consumidor com dificuldades financeiras ou endividado e pelo contacto com as entidades credoras com o objetivo de efetuar uma reestruturação dos contratos de crédito/dívidas e encontrar formas que permitam ao consumidor cumprir com as suas obrigações.
Comentários