Comissão Europeia aguarda nova gestão da CGD

Bruxelas aguarda que as autoridades portuguesas apresentem novo conselho de administração da CGD.

Caixa Geral de Depósitos

“Esperamos que as autoridades portuguesas apresentem a nova equipa”, disse fonte oficial da DG Comp (direção-geral da Concorrência europeia) ao jornal Observador. Esta reação da Comissão faz parte após o conhecimento do anúncio da saída de António Domingues da presidência da Caixa Geral de Depósitos.

De acordo com o comunicado enviado hoje pela Caixa Geral de Depósitos à CMVM, são mais seis os administradores que abdicam dos cargos: Emídio José Bebiano e Moura da Costa Pinheiro, Henrique Cabral de Noronha e Menezes, Paulo Jorge Gonçalves Pereira Rodrigues da Silva, Pedro Lopo de Carvalho Norton de Matos, Angel Corcóstegui Guraya e Herbert Walter.

Com estas saídas, restam apenas quatro dos 11 administradores que tomaram posse a 31 de Agosto passado: Tiago Rarava Marques, João Tudela Martins, Pedro Leitão e Rui Vilar (administrador não executivo).

António Costa e Mário Centeno terão agora de escolher o novo presidente da CGD. Há duas semanas, foi noticiado que existia um “plano B” para a liderança do banco público, mas na altura o Ministério das Finanças desmentiu essas notícias. Agora, caso de de facto não exista, esse “plano B” terá de ser criado.

Relacionadas

Demissão na CGD: Mais seis administradores acompanham Domingues

Em comunicado enviado à CMVM, seis administradores da equipa de Domingues comunicaram a sua saída. Dos 11, só sobram quatro.

Quem é António Domingues?

Tem uma vasta experiência no setor bancário e, entre os amigos, há quem diga que lida bem com a polémica. Gosta de vela, filosofia e música clássica.

Domingues sai da Caixa após ser impedido de fazer declaração secreta

Paulo Macedo, Carlos Tavares e Nuno Amado estarão entre os potenciais futuros presidentes do banco público.

PSD, CDS e BE obrigam gestores da CGD a declarar património ao Constitucional

Só a CGD e o caso dos administradores liderados por António Domingues conseguiram pôr o Bloco de Esquerda ao lado da direita.

CGD: O que falhou na presidência de António Domingues?

António Domingues começou por ver o estatuto do gestor público alterado de modo a que pudesse receber um salário de 423 mil euros por ano (mais de 30 mil euros por mês) na CGD. Mas acaba por ficar 4 meses sem que consiga recapitalizar e reestruturar a Caixa.
Recomendadas

Juro médio dos novos depósitos de particulares dispara em outubro para máximo de cinco anos

Segundo os dados divulgados hoje pelo Banco de Portugal (BdP), “em outubro o montante de novos depósitos a prazo de particulares foi de 4.726 milhões de euros, remunerados a uma taxa de juro média de 0,24%”.

PremiumBanca antevê dificuldades em identificar todos os clientes em 45 dias

Os bancos têm 45 dias para verificar se têm clientes do crédito à habitação que qualifiquem para efeitos da aplicação do diploma do Governo, mas o apuramento dos rendimentos reais é um obstáculo.

Juro médio nos novos créditos à habitação em outubro com maior subida mensal desde 2003

“Trata-se da maior subida mensal desde o início da série estatística, em 2003”, salienta o Banco de Portugal (BdP), explicando que “esta evolução acompanha a subida das taxas médias da Euribor”.
Comentários