PremiumGestores bancários sem tarimba a gerir períodos inflacionários

Estudo sobre o sector bancário europeu feito pela consultora estratégica Oliver Wyman considera que as instituições financeiras podem não estar preparadas para os impactos do aumento da inflação e do abrandamento da economia na atividade.

O período de inflação elevada que a Europa atravessa – e o mundo Ocidental, no geral – já é reconhecido como mais persistente do que o esperado e não, apenas, uma consequência temporária do estímulo fiscal extraordinário e das perturbações nas cadeias de abastecimento induzidas pela pandemia de Covid-19.

Para o sector bancário, que sai de um período conturbado pautado pela gestão da herança resultante das crises financeira e económica do final da primeira década do século, primeiro, da crise das dívidas soberanas, depois, e, agora, do rescaldo da crise pandémica, o novo quadro que se apresenta constitui um desafio, que implica um novo conjunto de ferramentas para que possa ser respondido.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Recomendadas

Banco do BCP na Polónia constitui mais provisões para créditos em francos suíços

O Bank Millenium reforçou novamente as provisões em cerca de 447 milhões de zlotys (perto de 92 milhões de euros) devido aos créditos hipotecários em francos suíços.

Banco de Portugal apresentou à indústria financeira proposta de cooperação para a cibersegurança

O BdP destaca hoje o facto de ter sido iniciado o primeiro teste sob este quadro de referência. O supervisor nacional “apresentou à indústria uma proposta de iniciativa de partilha de informação e cooperação entre instituições financeiras, para o fortalecimento do sector no que diz respeito à cibersegurança”.

PremiumCredit Suisse terá de ser comprado para sobreviver

O private banking do Credit Suisse tem sob gestão 800 mil milhões de francos suíços (823 mil milhões de euros) e na Europa 200 mil milhões. O Julius Baer está muito capitalizado, quer crescer e surge como interessado na Europa.
Comentários