Gouveia e Melo na Madeira para explicar plano de vacinação e resposta à pandemia da Covid-19 (com áudio)

O militar que liderou a task-force para combate à Covid-19 é o convidado da Assembleia da Madeira numa conferência com o tema “A experiência portuguesa no combate à Covid-19”.

Manuel de Almeida/Lusa

O vice-almirante Gouveia e Melo vai estar na Madeira a 10 de dezembro para explicar o processo nacional de vacinação contra a Covid-19 bem como o modelo desenvolvido pelo país de resposta à pandemia.

Gouveia e Melo é o convidado da Assembleia Legislativa da Madeira numa conferência que tem como tema “A experiência portuguesa no combate à Covid-19”.

“O vice-almirante vai explicar a organização, a liderança e a comunicação que estiveram por detrás daquele que já foi apontado por muitos países como um plano bem-sucedido, que colocou Portugal entre os Estados com as mais altas taxas vacinação da população”, refere a Assembleia da Madeira.

No seu percurso militar Gouveia e Melo foi comandante dos Submarinos Delfim e Barracuda e da fragata NRP Vasco da Gama. Entre 1998 e 2002 liderou do Serviço de Treino e Avaliação da Esquadrilha de Submarinos e o Estado-Maior da Autoridade Nacional para o Controlo de Operações de Submarinos (SUBOPAUTH), tendo assumido o comando daquela esquadrilha.

“De janeiro de 2017 a janeiro de 2020 exerceu as funções de Comandante Naval, acumulando com as funções de Comandante da EUROMARFOR. Foi nomeado Adjunto para o Planeamento e Coordenação do Estado-Maior General das Forças Armadas, cargo que junta ao de Coordenador da ‘task-force’ para combate à Covid-19, missão, última, concluída em setembro deste ano”, refere a Assembleia Regional.

A conferência realiza-se no salão nobre da Assembleia Legislativa da Madeira, pelas 15h00, tem entrada livre, mas é necessária a apresentação de certificado de vacinação e de testagem contra a Covid-19.

Recomendadas

Médicos internos preenchem totalidade das 39 vagas disponibilizadas à Madeira

Este processo, que decorre em simultâneo a nível nacional, é acompanhado na Região Autónoma da Madeira pelo Instituto de Administração da Saúde (IASAÚDE), entidade responsável pelo Internato Médico na Região.

Funchal: Prorrogado prazo de reabilitação da ETAR

Foi aprovada a participação da Câmara num instituto sem fins lucrativos, o Instituto para o Desenvolvimento e Inovação Tecnológica (IDEA).

Madeira aprova 74 contratos-programa de desenvolvimento desportivo no valor de quatro milhões de euros

Foi autorizada ainda a celebração de um acordo de cooperação entre o Instituto de Segurança Social da Madeira e a Associação Santana Cidade Solidária, de 21,4 mil euros, relativo ao financiamento das respostas sociais loja social e atendimento e acompanhamento social.
Comentários