Greve vai parar Metro do Porto esta segunda-feira

Não foram decretados serviços mínimos. É a primeira vez em 16 anos de existência que a rede vai parar devido a uma greve.

A rede do Metro do Porto vai encerrar a partir das 0h de segunda-feira e até às 6h de terça-feira devido à greve dos condutores das composições, adiantou hoje à Lusa fonte da empresa de transporte público.

“Devido à greve dos agentes de condução e não tendo sido decretados serviços mínimos, a rede do Metro do Porto está encerrada em todas as linhas na segunda-feira”, afirmou a fonte.

Em 16 anos de existência, esta é a primeira vez que a operação da Metro do Porto vai parar devido a uma greve.
A paralisação de 24 horas dos condutores afetos à ViaPorto, empresa que tem a concessão da operação da Metro do Porto, tem início às 0h de segunda-feira e foi convocada pelo Sindicato dos Maquinistas.

Recomendadas

OPEP retoma reuniões presenciais perante medo de recessão internacional

A OPEP+, o grupo integrado pelos membros da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) e aliados, reúne-se quarta-feira pela primeira vez presencialmente desde março de 2020, num momento em que crescem os receios de uma recessão internacional.

BNA levanta suspensão da participação no mercado cambial imposta ao Finibanco Angola

O Finibanco Angola tinha sido suspenso de participar no mercado cambial, por um período de 45 dias, pelo Banco Nacional de Angola (BNA), depois de o supervisor bancário angolano detectar incumprimentos durante uma inspecção pontual, em meados de agosto.

“Café com o CEO”. Assista à conversa com o Dr. Luís Teles, em direto a partir de Luanda

“Café com o CEO” é uma iniciativa promovida pela empresa angolana E.J.M, fundada por Edivaldo Machado em 2012, que procura dar a conhecer os líderes que estão a dar cartas em Angola e outros países da Lusofonia. Assista à sessão em direto de Luanda, capital angolana.
Comentários