Madeira Acqua Residences já tem 60% das unidades vendidas

O projeto do Grupo Pestana teve um investimento de 100 milhões de euros, e possui 181 apartamentos.

A Madeira Acqua Residences, o novo projeto imobiliário do Grupo Pestana, já tem 60% das suas unidades vendidas, referiu o administrador do Pestana Hotel Group, Paulo Prada.

O projeto envolve um investimento de 100 milhões de euros.

A Madeira Acqua Residences tem 181 apartamentos, que vão desde o T1 a T4 e penthouse, com áreas entre os 70 e 420 metros quadrados.

“Nesta fase, mais de 60% das unidades já estão vendidas, o que resulta da qualidade do projeto e da confiança da marca Pestana Residences, que adiciona ao negócio imobiliário o valor acrescentado dos 50 anos de experiência do grupo em hotelaria”, disse o administrador do Pestana Hotel Group, Paulo Prada, na apresentação do projeto.

O projeto imobiliário, da marca Pestana Residences, do Pestana Hotel Group, resulta da requalificação do Hotel Madeira Palácio, e possui mais de sete mil metros quadrados de área verde, acesso privado direto à praia e uma piscina infinita no limite da falésia, imediatamente sobranceiro ao mar.

Todos os apartamentos possuem varanda, 25 dos quais com piscina e 27 com jardins privados, ginásio, piscina, áreas de relaxamento, convívio e trabalho, estacionamento para residentes e visitantes.

O projeto original foi do arquiteto Carlos Ramos, prémio Valmor e coautor do Estádio do Restelo, em Lisboa. As zonas exteriores, nomeadamente os jardins, foram da autoria do arquiteto paisagista português Gonçalo Ribeiro Teles, e os interiores do arquiteto Daciano da Costa.

Recomendadas

Governo obriga gestores do Banco de Fomento a declarar rendimentos no TC

Fonte oficial do Ministério da Economia e do Mar esclarece ao Público que “mantêm-se em relação aos administradores as obrigações declarativas e, consequentemente, a entrega da declaração de rendimentos no Tribunal Constitucional”.

PremiumEndiama lança-se na refinação de ouro para ser ‘player’ de peso

O Grupo Endiama, através da Geoangol, vai avançar com a construção da Refinaria de Ouro de Luanda, localizada no Polo Industrial de Viana. Na próxima segunda-feira, 27 de junho, o ministro dos Recursos Minerais, Petróleo e Gás, Diamantino Azevedo, apresentará este projeto.

Os desafios e constrangimentos de Christine Ourmières-Widener no primeiro ano

Christine Ourmières-Widener cumpre este sábado um ano como presidente executiva da TAP, um período marcado pelos desafios e constrangimentos da execução do plano de reestruturação, um compromisso que assumiu no primeiro dia.
Comentários