OE2022: PAN abstém-se na votação na especialidade

Apesar da abstenção o PAN assinala que o Governo poderia ter ido mais longe em matérias como a injeção de capital no Novo Banco ou a redução do IVA dos serviços medico veterinários.

A porta-voz e deputada única do PAN, Inês de Sousa Real, anunciou que o partido irá abster-se na votação na especialidade do Orçamento do Estado para 2022.

Inês de Sousa Real justificou que apesar deste “não ser o Orçamento do PAN”, sem dúvida tem o “ADN” do partido. É um documento que “faz melhorias mto concretas assinalaveis em matéria não só social, mas tb ambiental pq a justiça climática é sinonimo de justiça social e de proteção animal”.

Ainda assim, muitas propostas ficaram por concretizar, explicou a líder do PAN. “Pelo caminho ficaram várias medidas e não posso deixar de referir que o facto de não termos uma negociação, por exemplo daquilo que é a injeção de capital no Novo Banco ou o Governo não nos ter acompanhado na medida que visava a redução do IVA para 6% dos serviços medico veterinários ou ainda continuarmos a ter borlas fiscais para as entidades poluentes ou para os toureiros”, sublinhou Sousa Real.

Para o PAN também ficou em falta o alargamento da “tarifa social da energia, bem como a do gás” de forma a dar “resposta à crise sócioeconómica”, mas também a “licença menstrual”.

O Orçamento do Estado para 2022 tem sido debatido e votado na especialidade esta semana e amanhã será o último dia neste processo. É esperado que o documento seja aprovado sendo que o Partido Socialista (PS) detém maioria parlamentar.

Recomendadas

Linhas de capitalização. Saiba tudo na próxima JE Talks, esta quinta-feira

Esta quinta-feira, às 17h00, o jornalista José Carlos Lourinho conversa com líderes da consultoria para tirar o pulso aos programas e linhas de financiamento disponíveis.

Assista esta quinta-feira à JE Talks: Eficiência Energética

O Jornal Económico dinamiza esta quinta-feira uma conversa sobre as metas em torno da eficiência energética e quais os próximos passos que o tecido empresarial deve tomar. Assista a esta JE Talks moderada pelo jornalista José Carlos Lourinho a partir das 15h00.

Orçamento do Estado entra em vigor amanhã (com áudio)

O Orçamento do Estado entra em vigor esta terça-feira, mantendo-se até ao final do ano. Lei inclui, por exemplo, um aumento extraordinário das pensões até 1.108 euros.
Comentários