Olá, Brasil. Web Summit organiza primeira conferência na América Latina

Os oradores da Web Summit no Rio de Janeiro, que se realiza entre os dias 1 e 4 maio de 2023, serão anunciados ao longo dos próximos meses. “Em Lisboa percebemos que havia muitos participantes da América Latina e também cada vez mais de África”, diz Paddy Cosgrave.

Cody Glenn/Web Summit

A Web Summit vai organizar uma conferência tecnológica no Rio de Janeiro, no Brasil, no próximo ano. O fundador e CEO da Web Summit revelou esta terça-feira que a decisão de organizar a primeira Web Summit fora da Europa e expandir a cimeira de tecnologia para o Brasil se deve ao facto de o ecossistema de empreendedorismo estar a crescer naquela região do globo.

“Procurámos várias cidades e apaixonámo-nos pelo Rio. É uma cidade que recebeu a Copa do Mundo, os Jogos Olímpicos… Estamos muito entusiasmados”, referiu Paddy Cosgrave, numa conferência de imprensa que decorre esta tarde. “Será o momento do ano em que investidores, empreendedores, jornalistas fazem a sua jornada até ao Rio, vindos de todas as pontas do mundo”, frisou.

Portugal, onde não haverá alterações por causa do novo evento, também pesou na opção de voar para a ‘cidade maravilhosa’. “Na Web Summit em Lisboa percebemos que havia muitos participantes da América Latina e também cada vez mais de África, portanto esperamos que a partir de 2024, 2025, consigamos continuar a expandir para outras regiões”, disse Paddy Cosgrave, deixando no ar a hipótese de organizar um evento no continente africano.

A América Latina foi a região do mundo que mais cresceu em termos de financiamento de capital de risco em 2021, de acordo com a Crunchbase. Paddy Cosgrave garantiu que, atualmente, o Brasil é o país é provavelmente o país mais dinâmico em termos de startups, com um “cenário de empreendedorismo em rápido crescimento” e mais de 10 mil milhões de dólares (9,5 mil milhões de euros) em investimento a empresas recém-criadas só no ano passado.

Os oradores da Web Summit no Rio de Janeiro serão anunciados ao longo dos próximos meses. “É um novo evento, que trará milhares de participantes internacionais para o Rio e ajudar a cimentar o que já é um sector tecnológico em rápido crescimento no Rio”, antecipou o empreendedor irlandês.

Quem também esteve na conferência de imprensa “ao lado” de Paddy Cosgrave foi o presidente da câmara do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, que vê a Web Summit como “um evento de tecnologia e negócios muito muito grande” e uma oportunidade para criação de empregos para a juventude brasileira. “Nós vimos bem o quanto a Web Summit fez na transformação de Lisboa e Portugal num hub de inovação”, destacou o autarca, em declarações à imprensa internacional.

A empresa que organiza a Web Summit promove outros eventos ligados ao empreendedorismo, mas têm outros nomes/marcas, como é o caso da Collision, no Canadá, ou da MoneyConf.

Os portugueses podem estar descansados

Paddy Cosgrave, quando questionado sobre um eventual descarte ao evento e investimento em Lisboa

Recomendadas

Alteração da percepção de risco foi ponto positivo da pandemia, destaca responsável da Prévoir Portugal

No painel “Novos Paradigmas: ramo vida e seguros de pensões”, do Fórum Seguros organizado pelo Jornal Económico, debateram-se as perspectivas de futuro para estes dois ramos. A literacia financeira mas também as exigências dos novos consumidores são temas que estão no foco das seguradoras.

“Não é possível fazer tudo de uma vez”, diz EBA sobre medidas ambientais, sociais e de governança

“Há que haver um trabalho sequencial apropriado, com ferramentas que ajudem tanto bancos como reguladores a fazerem o seu trabalho. É importante manter um alto nível de ambição na incorporação de critérios ESG”, diz Dorota Siwek, líder de riscos ESG da Autoridade Bancária Europeia.

Fórum Banca. Veja o maior encontro anual do sector financeiro, organizado pelo JE e PwC

Encontro do sector financeiro nacional contará com a participação do governador do Banco de Portugal, Mário Centeno, bem como dos líderes dos seis maiores bancos nacionais. Sustentabilidade será o tema forte da edição deste ano do Fórum, que contará com uma convidada especial, Dorota Siwek, responsável pela área de ESG da Autoridade Bancária Europeia. Veja em direto.
Comentários