PremiumPartidos convergem nos apoios às famílias e crescimento económico

Os partidos com assento parlamentar começam a definir as prioridades para o próximo Orçamento do Estado. Num quadro de incerteza, continuidade e necessidade de calibrar medidas é o elemento central do PS. Oposição reclama respostas ao acelerar da inflação.

Os partidos com assento parlamentar ‘afinam’ as prioridades para o Orçamento do Estado de 2023 (OE2023), com a esquerda a pedir o controlo de preços e o combate aos lucros abusivos e a direita a defender a necessidade de se reduzir a carga fiscal.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Recomendadas

Lagarde avisa que taxas de juro vão continuar a subir

Dados da inflação na zona euro em novembro vão ser conhecidos esta semana. BCE reúne-se em meados de dezembro.

Cáritas já recebe pedidos de quem não consegue pagar empréstimo da casa

“O pânico foi imediato. O receio das pessoas, a angústia com que se aproximavam de nós a dizer ‘ai, se eu perco a minha casa’. É que nós tivemos uma crise em que houve muita gente a perder a casa; é recente ainda, está na memória das pessoas – 2008”, afirmou Rita Valadas.

Expectativas de exportação na Alemanha aumentam em novembro, diz Ifo

Depois de uma queda no mês anterior, a indústria automóvel volta a ter expectativa de crescimento nas exportações.
Comentários