PSI acompanha congéneres europeias e encerra em terreno positivo

Entre as principais praças europeias, o francês CAC 40 subiu 0,20%, o espanhol IBEX 35 valorizou 0,94%, o alemão DAX aumentou 0,70% e o britânico FTSE 100 terminar a ganhar 1,19%.

A bolsa de Lisboa encerrou a sessão desta sexta-feira em terreno positivo, com a EDP Renováveis a liderar os ganhos, mantendo a tendência de abertura e em sintonia com as congéneres europeias. O principal índice bolsista português (PSI) subiu 0,29%, para 5.921,16 pontos.

No PSI, destaque para a EDP Renováveis, cujas ações valorizaram 1,40% para os 21,80 euros, segue-se a Galp que avançou 0,93% para 10,865 euros, a Jerónimo Martins que subiu 0,38% para os 18,30 euros, a Altri que aumentou 1,03% para os 5,415 euros e a NOS que termina a sessão a ganhar 0,93% para os 3,892 euros.

Em sentido contrário, o Banco Comercial Português (BCP) liderou as perdas, com as ações a desvalorizarem 1,89% para os 0,1715, acompanhado pela EDP que perdeu 0,11% para os 4,664 euros.

“As bolsas europeias encerraram na sua maioria em alta, pese embora terem perdido parte do entusiasmo, perante a queda que se regista nas congéneres norte-americanas. No velho continente o setor de Bens de Consumo foi o único a encerrar em queda, pressionado pela descida de 13% da Richemont em reação a resultados”, comenta o analista de mercados da Millennium investment banking, Ramiro Loureiro.

Entre as principais praças europeias, o francês CAC 40 subiu 0,20%, o espanhol IBEX 35 valorizou 0,94%, o alemão DAX aumentou 0,70% e o britânico FTSE 100 terminar a ganhar 1,19%.

O preço do petróleo está a subir nos dois lados do atlântico. Em Nova Iorque, o WTI aumenta 0,42% para os 110,35 dólares por barril, enquanto o Brent valoriza 0,46% para os 112,56 dólares em Londres.

No mercado cambial, o euro deprecia 0,22% face ao dólar norte-americano, para 1,0563 dólares.

Recomendadas

Wall Street encerra sessão com índices a ganhar mais de 2,50%

Os mercados financeiros têm estado agitados, mas recuperaram e encerraram a semana a negociar no verde.

Dos 100 milhões da Greenvolt à emergência de Lagarde. Veja as escolhas da semana no “Mercados em Ação”

Conheça as escolhas da semana do programa da plataforma multimédia JE TV, numa edição que contou com a análise de Rina Guerra, gestora de Ações e Ativos do Banco Carregosa.

Europa fecha em forte alta e PSI acaba semana em beleza

Todos os setores fecharam em alta. “O Tecnológico, Media, Consumo e Farmacêutico valorizaram mais de 3%. No de Retalho de notar a recuperação da Zalando, que chegou a tombar quase 20% após a emissão de um profit warning, mas acabou com uma perda inferior a 2%”, diz. o analista do BCP.
Comentários