Reino Unido regista primeira morte pela variante Ómicron

Esta foi a primeira morte confirmada publicamente em todo o mundo associada à mais recente variante.

Londres, Reino Unido | Andrew Redington/Getty Images

Pelo menos uma pessoa morreu no Reino Unido após contrair a variante da Covid-19 Ómicron, segundo revelou o primeiro -ministro Boris Johnson esta segunda-feira, 13 de dezembro, citado pela “Reuters”.

“Infelizmente, pelo menos um paciente que tinha contraído a Ómicron foi confirmado morto”, disse Johnson aos jornalistas a partir de um centro de vacinação em Londres.

Esta foi a primeira morte confirmada publicamente em todo o mundo devido à rápida disseminação da mais recente variante. O Reino Unido não deu detalhes sobre a morte ou se o paciente tinha sido vacinado ou tinha problemas de saúde.

Desde que os primeiros casos da Ómicron foram detetados a 27 de novembro no Reino Unido, Boris Johnson impôs restrições mais duras e no domingo advertiu que a variante poderia superar as defesas imunológicas dos inoculados com duas doses da vacina.

Já podem ter ocorrido mortes pela Ómicron em outros países, mas nenhuma foi publicamente confirmada fora do Reino Unido. A variante já responde por cerca de 40% das infeções na capital Londres, explicou Boris Johnson.

“A ideia de que esta é de alguma forma uma versão mais branda do vírus, acho que é algo que precisamos colocar de lado, e apenas reconhecer o simples ritmo com que se propaga pela população”, referiu o primeiro-ministro britânico.

Antes de a morte ser anunciada, o Reino Unido apontou que dez pessoas foram hospitalizadas com a variante Ómicron em várias partes de Inglaterra. A idade variou de 18 a 85 anos e a maioria recebeu duas doses da vacina contra a Covid-19.

Relacionadas

Israel inclui Reino Unido, Bélgica e Dinamarca na lista vermelha

Israel anunciou este domingo que vai incluir o Reino Unido, a Bélgica e a Dinamarca na “lista vermelha” de países para os quais os seus cidadãos não podem viajar, devido à propagação da variante Ómicron do coronavírus SARS-CoV-2.

Reino Unido eleva nível de alerta por causa da variante Ómicron

As autoridades de saúde do Reino Unido anunciaram este domingo que elevaram o nível de alerta da covid-19, devido a um “aumento rápido” de contágios da variante Ómicron.
Recomendadas

SIC: Alargamento da dedução dos juros da habitação em sede de IRS poderá abranger mais de 660 mil famílias

Segundo a SIC Notícias, se a medida for incluída no Orçamento do próximo ano, como se espera, poderá abranger mais de 660 mil famílias. 

OE2023: PAN critica “rumo de desvalorização salarial” da função pública

A porta-voz do PAN criticou hoje a proposta de aumentos salariais para a função pública, apontando um “rumo de desvalorização salarial” e alertando que os funcionários públicos “viverão com menos recursos” no próximo ano.

OE2023: Iniciativa Liberal vai insistir no desagravamento de vários impostos

O líder da Iniciativa Liberal (IL) disse hoje, em Coimbra, que o partido vai apresentar cerca de uma dúzia de propostas de alteração ao Orçamento de Estado para 2023, que visam o desagravamento de vários impostos.
Comentários