Santander e Finantia são os dois bancos portugueses distinguidos pelos World Finance Banking Awards 2022

Já são conhecidos os resultados do World Finance Banking Awards 2022, prémios que distinguem os bancos com melhor desempenho em todo o mundo e há dois bancos portugueses premiados.

DR

Já são conhecidos os resultados do World Finance Banking Awards 2022, prémios que distinguem os bancos com melhor desempenho em todo o mundo e há dois bancos portugueses premiados.

Estes prémios visam distinguir os bancos com melhor desempenho em todo o mundo, reconhecendo os mais inovadores do setor e, em particular, os que aceitaram o desafio da transformação digital.

O Banco Santander foi eleito o “Melhor Banco de Retalho” em Portugal pela revista World Finance, no âmbito dos World Finance Banking Awards 2022.

De acordo com a publicação, “depois de dois anos de pandemia, o setor bancário enfrenta um mar de transformações em termos de definição do local de trabalho, da melhor forma de implementar soluções tecnológicas de modo holístico, bem como nas medidas importantes a tomar em iniciativas de financiamento sustentável para fazer face às crises globais na saúde pública e nas alterações climáticas. Os vencedores dos World Finance Banking Awards deste ano são aqueles que estão a trabalhar com um propósito maior e a capacitar os seus clientes”.

Como “Melhor Banco Comercial” e “Melhor Banco Privado” foi eleito o português Banco Finantia.

 

Recomendadas

Banco do Brasil regista lucro recorde no primeiro semestre

O banco público, cujas ações são negociadas na bolsa de São Paulo, atribuiu o seu resultado histórico semestral ao salto na carteira de empréstimos graças à recuperação económica a que o país tem assistido até agora este ano.

Autoridade da Concorrência de Itália aplica multa de 5 milhões à Generali e UnipolSai

A AGCM acusou as duas empresas de “conduta enganosa e agressiva” por “atenderem tardiamente, no que se refere aos prazos estabelecidos pela regulamentação do setor, a inúmeras instâncias” apresentadas por clientes.

CaixaBank recomprou quase 18 milhões de ações na semana passada (com áudio)

O CaixaBank anunciou hoje a compra de 17.947.222 ações próprias, por 53.063.926 milhões de euros entre 1 e 5 de agosto.
Comentários