“Sistema de saúde não é só SNS. Há uma componente privada cada vez mais relevante”, diz Óscar Gaspar

Óscar Gaspar salienta papel do setor privado no sistema de saúde português e reforça que é preciso apostar em parcerias, em prol da resiliência.

O presidente da Associação Portuguesa de Hospitalização Privada (APHP) sublinhou esta quarta-feira que o sistema de saúde luso não passa somente pelo Serviço Nacional de Saúde (SNS), mas, antes, tem uma componente “cada vez mais revelante” do setor privado.

Esta posição foi adiantada por Óscar Gaspar, no encerramento do Fórum sobre a Indústria Farmacêutica, um evento organizado pelo Jornal Económico e pela Saúde Online.

O responsável detalhou que o setor privado da saúde conta hoje com cerca de 28 mil empresas, empregando 125 mil pessoas e sendo responsável por 1.866 milhões de euros em remunerações. Mais, em 2020, os hospitais privados realizaram mais de 6,4 milhões de consultas, o que corresponde a mais de 35% do total nacional.

Contas feitas, o contributo do setor privado “não é despiciendo”, nem em termos da estrutura da saúde, nem no que diz respeito à economia, frisou o também vice-presidente da Confederação Empresarial de Portugal (CIP).

Na mesma linha, Óscar Gaspar acrescentou, citando as recomendações da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE), que as parcerias “são cada vez mais essenciais” para que o sistema de saúde seja resiliente.

Por outro lado, o líder da APHP realçou que a saúde deve ser uma prioridade, o que foi comprovado, defendeu o responsável, pela situação vivida, nas última semanas, nos hospitais. “Qualquer cidadão percebe que a indústria farmacêutica tem uma capacidade enorme de melhorar a qualidade de vida das pessoas e puxar pela economia”, observou.

Já sobre a transição digital, Óscar Gaspar adiantou que considera que esta é uma das áreas em que se verificará uma revolução nos próximos anos, tendo sublinhado, a título de exemplo, que está previsto um investimento de 300 milhões de euros na digitalização do SNS.

Recomendadas

FC Porto – Sporting: Apostadores atribuem favoritismo aos dragões

Apenas 10,5% acreditam na vitória dos ‘leões’, enquanto a existência de golos para as duas equipas é praticamente unânime, de acordo com os dados divulgados pela casa de apostas Betano.

Banco de Portugal divulga lista de 11 entidades sem autorização para conceder crédito

O Banco de Portugal divulgou esta sexta-feira uma lista de 11 entidades que não estão habilitadas a conceder, intermediar ou exercer consultadoria de crédito. Saiba quais são.

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta sexta-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta sexta-feira.
Comentários