TAP vai ter mais voos entre Porto e Lisboa no próximo verão

A Invicta terá ainda três voos por semana para São Paulo e dois semanais para o Rio de Janeiro, para aumentar o número de turistas que vêm do Brasil.

Os meses quentes de 2022 poderão significar mais viagens de avião entre as duas maiores cidades do país. A TAP anunciou esta quarta-feira que vai reforçar a ponte aérea entre Lisboa e Porto com mais dois voos por dia no próximo verão.

A capital portuguesa e a Invicta ficarão assim com mais de dez ligações aéreas por dia operadas pela TAP. O objetivo é também otimizar as ligações a todos os destinos que a companhia aérea faz no seu hub de Lisboa e “reforçar o compromisso com o Norte”, segundo a empresa liderada por Christine Ourmières-Widener.

Ademais, a TAP vai aumentar a oferta de voos intercontinentais que partem do Porto para as cidades brasileiras de São Paulo e Rio de Janeiro com mais um voo por semana para cada uma, para dar gás ao turismo. Ou seja, haverá três voos semanais do Porto para São Paulo e dois voos por semana do Porto para o Rio de Janeiro.

A TAP vai receber ainda esta semana uma injeção de 536 milhões de euros, segundo as previsões do Governo. No briefing do Conselho de Ministros desta tarde, o ministro das Finanças disse que as receitas da transportadora aérea no próximo ano poderão ser melhores do que o esperado.

“No programa de reestruturação da TAP, o cenário que foi criado para 2021 e 2022 era conservador e, portanto, as perspetivas que temos agora sobre a evolução da receita na empresa não diferem”, começou por explicar João Leão. “Em 2021, o valor final ficou muito próximo do estimado e espera-se que em 2022 até possa ficar melhor do que o antecipado”, referiu o responsável pela pasta das Finanças, na conferência de imprensa.

Recomendadas

BNA levanta suspensão da participação no mercado cambial imposta ao Finibanco Angola

O Finibanco Angola tinha sido suspenso de participar no mercado cambial, por um período de 45 dias, pelo Banco Nacional de Angola (BNA), depois de o supervisor bancário angolano detectar incumprimentos durante uma inspecção pontual, em meados de agosto.

“Café com o CEO”. Assista à conversa com o Dr. Luís Teles, em direto a partir de Luanda

“Café com o CEO” é uma iniciativa promovida pela empresa angolana E.J.M, fundada por Edivaldo Machado em 2012, que procura dar a conhecer os líderes que estão a dar cartas em Angola e outros países da Lusofonia. Assista à sessão em direto de Luanda, capital angolana.

Rogério Carapuça: “Há que estar entre os primeiros, não ser o primeiro dos últimos”

O presidente da APDC considera que o desenvolvimento do sector das TIC se dá a um ritmo saudável apesar dos obstáculos concretos que ainda impedem o país de estar entre os melhores classificados. A capacitação e qualificação das pessoas e das empresas são desafios no topo da agenda, mas a simplificação é palavra de ordem para abandonar o paradigma da burocracia que assombra os serviços públicos, alerta Rogério Carapuça.
Comentários