Volkswagen investe 40 milhões de euros na expansão de parques eólicos e solares na Europa (com áudio)

A empresa informou ter como objetivo ser neutra em carbono em 2050 e que vai além da eletrificação dos veículos com o programa de descarbonização “caminho para Zero”.

Volkswagen ID. 4

O grupo automóvel alemão Volkswagen anunciou esta quarta-feira, 8 de dezembro, que vai investir cerca de 40 milhões de euros até 2025 na expansão de parques eólicos e solares na Europa.

A empresa informou ter como objetivo ser neutra em carbono em 2050 e que vai além da eletrificação dos veículos com o programa de descarbonização “caminho para Zero”.

“Somos o primeiro fabricante de automóveis a apoiar a expansão das energias renováveis em grande escala, porque a mobilidade elétrica só pode contribuir efetivamente para a proteção climática se os veículos elétricos forem consistentemente carregados com eletricidade verde”, disse o presidente executivo da Volkswagen, Ralf Brandstätter.

Carregar veículos com eletricidade gerada por fontes renováveis diminuiria em quase metade as emissões de CO2 em comparação com o padrão de eletricidade da União Europeia (UE), de acordo com a empresa.

O grupo automóvel adianta já ter acordado com o especialista em parques eólicos wpd Onshore Aldermyrberget, do norte da Suécia, o maior projeto do seu portfólio até o momento e que até 2025 vai concretizar cerca de 20 outros projetos na Europa.

Recomendadas

Prémio “João Vasconcelos – Empreendedor do ano 2022” atribuído aos fundadores da Coverflex

O prémio de “Empreendedor do Ano” foi entregue pelo presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Carlos Moedas, e por Bernardo Correia, ‘country manager’ da Google Portugal, entidade parceira desta edição.

Empresa aeronáutica prevê 6 milhões para começar a produzir aviões em Cabo Verde

“Venho elaborando este projeto já há dois anos, criei a empresa Aeronáutica Checo-Cabo-verdiana, empresa que irá produzir os aviões da Orlican e Air Craft Industries em Cabo Verde”, afirma Mónica Sofia Duarte.

BPI e FCT financiam 20 projetos e nove ideias para o desenvolvimento sustentável no Interior

A edição de 2022 do Programa Promove, uma iniciativa da Fundação “la Caixa”, em colaboração com o BPI e em parceria com a Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), concedeu apoios a fundo perdido de perto de 3,6 milhões a um total de 20 projetos e nove ideias destinados a impulsionar o desenvolvimento sustentável de regiões do interior de Portugal.
Comentários